Causa central da obesidade e alvo do Método de Emagrecimento 5S

Até algum tempo atrás, não se pensava em cérebro quando o assunto era obesidade. Antes, a doença era considerada um problema muito mais relacionado ao estoque de gordura. De uns anos pra cá, cientistas têm sugerido que o sistema nervoso central possui um papel fundamental nos caminhos que levam ao desenvolvimento da patologia. Para reforçar, um estudo realizado pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) comprovou, pela primeira vez na medicina, que o cérebro de obesos funciona de forma diferente, comparando-se ao de pessoas magras. Os resultados abrem novas perspectivas terapêuticas, como o desenvolvimento de tratamentos mais eficazes.

 

O HIPOTÁLAMO E A INFLAMAÇÃO

O hipotálamo localiza-se sob o tálamo e é uma região importante para o controle das emoções e regulação do equilíbrio interno do organismo, como temperatura corporal, apetite, sede, excesso ou falta de água no corpo, pressão sanguínea, raiva, instinto sexual, medo, prazer, ciclo menstrual e controle dos hormônios da hipófise.

Pesquisas recentes apontam que o excesso de gordura saturada aliada ao excesso de açúcar, têm propriedades moleculares que ativam uma resposta inflamatória especificamente nessa pequena região do cérebro e, que essa inflamação é desencadeada por um receptor do sistema imune denominado Toll-Like Receptor 4 (TLR4). Esse receptor do sistema imune nos protege de infecções primárias provocando uma inflamação que informa à célula a presença de uma bactéria invasora a ser combatida. Quando ativado, o TLR4 produz citocinas que causam inflamação no hipotálamo.

Além da inflamação, a exposição a esses nutrientes, quando prolongada, ativa também as vias de sinalização apoptóticas que culminam com a morte de neurônios.

 

AS CONSEQUÊNCIAS

Quando inflamado, o hipotálamo perde parte de suas funções e se estabelece um desequilíbrio entre ingestão de alimentos e dispêndio energético, na forma de termogênese. A perda de neurônios com função central no controle do peso pode explicar porque pessoas obesas que se submetem a dietas rigorosas, ainda que consigam emagrecer nas primeiras semanas, voltam a engordar.

Dependendo da área do hipotálamo afetada as funções locais ficam comprometidas levando a sintomas de sudorese intensa, compulsivadade por falta de saciedade, irritações, inchaços, insônia, dentre outros.

 

UM MÉTODO DE EMAGRECIMENTO

O Método de Emagrecimento 5S®, marca registrada, foi desenvolvido em 2015 pela equipe de Pesquisa & Desenvolvimento da empresa Brand’s, composta por uma equipe multidisciplinar especialista em obesidade e emagrecimento. Dentre eles: médico, nutricionista, farmacêutico e fisioterapeuta. Sua missão é promover a Reprogramação Hipotalâmica, com bases nas últimas pesquisas e descobertas na área.

 

A REPROGRAMAÇÃO HIPOTALÂMICA

A Reprogramação Hipotalâmica acontece de 3 maneiras:

1. Pela ação anti-inflamatória dos ácidos graxos insaturados, como os Ômegas 3 e 9 descritos nos estudos e comprovados cientificamente. Além de serem potentes anti-inflamatórios naturais, são capazes de induzir a neurogênese, o que possibilita a recuperação de funções comprometidas mediante novas sinapses;

2. Por meio da reeducação alimentar, limitando a quantidade de gordura saturada e açúcar ingeridos diariamente a níveis não inflamatórios. Com essa estratégia damos também início ao processo de tratamento da resistência à insulina;

3. Por meio da mudança de hábitos e comportamentos alimentares diários como horários das alimentações, tamanho das porções, combinações ideais. Tais mudanças são sistematicamente controladas por 90 dias até que aconteça a reprogramação da memória celular descrita na literatura.

 

ESTRATÉGIAS ASSOCIADAS

O Método 5S também conta com estratégias inteligentes que estimulam, apoiam e aceleram as respostas a um emagrecimento rápido e saudável. Composto por 5 estratégias cientificamente comprovadas, aplicadas simultaneamente em prol da saúde do paciente. Daí o nome 5S. As estratégias são: Reeducação alimentar, Suplementação de vitaminas e minerais, Ação anti-inflamatória dos ômegas, Técnicas estéticas lipolíticas e oxidativas e Terapia motivacional em grupo.

 

RESULTADOS

O tratamento é aplicado em 3 fases: perda, manutenção e reeducação, por período mínimo de 90 dias. Estudos recentes revelam que é necessário de 66 a 90 dias de hábitos alimentares novos para substituir antigos, através da neuroplasticidade, o que vem ao encontro do Método de Emagrecimento 5S, que tem como mínimo 3 meses de programa.

Os resultados chegam a 15kg no mês, dependendo do Índice de Massa Corpórea e características fisiológicas de cada paciente, onde o paciente perde massa gorda, preserva e/ou mantém a massa magra, diminui o percentual de gordura visceral, aferidos semanalmente pela balança de bioimpedância.

Além disso, há uma melhora significativa nos exames laboratoriais dos pacientes e nos sintomas associados à obesidade, tais como: refluxo, azia, constipação, dores no corpo, insônia, compulsividades, enxaquecas e muitos outros.

 

QUEM PODE PARTICIPAR

Homens, mulheres e jovens obesos ou sobrepesos a partir de 14 anos, mães em pós-parto imediato, mulheres que precisam perder peso para engravidar.

Em São Lourenço, o Andréa Rada Centro de Tratamento Estético é licenciado no método e a responsável pelo espaço – a fisioterapeuta Andréa Rada, é pós graduada em obesidade e emagrecimento. Lá, você pode conhecer mais sobre o método e constatar os resultados de outras pacientes.